IQNA

16:08 - September 13, 2022
Id de notícias: 522
Teerã-Iqna- Honorável Ruqaiiah bint al-Hussain(que a paz esteja com ela) era uma das filhas do Imam Hussain (que a paz esteja com ele) que estava presente no evento Ashura. Ela estava entre os cativos que foram levados para Sham (Síria). Segundo alguns relatos, ela foi martirizada em Sham durante esse cativeiro, quando tinha apenas três anos. Atualmente, Seu santuário é na Síria, a cidade de Damasco.


Muhammad Ibn Talha al-Shafei menciona que Imam Hussain (a.s) teve quatro filhas; e entre eles, estava Ruqaiiah.
Ibn Fandaq escreve no livro de Lubab al-Ansab: "Após o evento de Ashûra, Os filhos do Imam Hussain (a.s) não ficaram vivo, (a exceção do Imam Sajjad (a.s)), Fátima, Sukainah e Ruqaiiah."
Também, foi mencionado no livro de al-Luhuf que quando Imam Hussain (a.s) quis se despedir de seus parentes no dia de Ashura, ele disse: "Ó Umm Kulçum! Ó Zaynab! Ó Ruqaiiah! Ó Fátima! e ó Rubab

Relatório de Kamil Bahai

Aparentemente, o primeiro livro que menciona a morte de uma menina da família do Imam Hussain (a.s) em Sham foi o livro de Kamil Bahai. O autor deste livro narra o incidente da seguinte forma:

As mulheres cativas de Ahlul-Bait (que a paz esteja com eles), tentaram esconder frente a seus filhos as notícias dos homens que foram martirizados na batalha de Karbala, e tinha dito a seus filhos que seus pais estavam viajando e voltariam um dia. Porém; Quando eles foram levados ao palácio de Yazid, uma menina de quatro anos acordou do sonho e disse:

"Onde está meu pai Hussain? Eu o vi em meu sonho muito angustiado!" Então as mulheres e crianças começaram a chorar e gritar.Yazid, que estava dormindo em seu palácio, acordou ouvindo essa menina chorando e perguntou o por quê. Então disse: traga a cabeça do pai dela e coloque na frente dela!

Quando trouxeram a cabeça do Imam Hussain (as) diante desta menina, ela perguntou: "O que é isso?" Disseram-lhe: "É a cabeça do seu pai". Neste momento, a menina começou a tremer e gritar, e depois disso ela faleceu muito em breve.

O autor do livro Rawdat al-Shuhada, faz uma análise mais detalhada desta narração e adicione o seguinte:

"Quando a menina tirou o pano, ela viu uma cabeça colocada em uma bandeja. Ela a tomou em seus braços e olhou para ela com atentamente. Ela reconheceu a cabeça de seu pai. Deu um suspirar, colocou o rosto na bochecha de seu pai, o beijou e neste estado, ela deixou este mundo.

https://btid.org/pt/news/218632/A-Filha-do-Imam-Hussain

captcha